Borat Sagdiyev

novembro 13, 2006 at 11:51 pm (matutando, sorrindo)

BoratBorat vem desfilar suas graças de maillot. Para quem não conhece, Borat Sagdiyev é uma das personagens do comediante inglês Sacha Baron Cohen (Da Ali G Show). Borat viaja pelos EUA como jornalista e embaixador cultural do Cazaquistão, em algumas instâncias abusando da proverbial inocência do povo americano ou testando até onde vai sua compostura, em outras os convindando para que se enforquem com a própria língua. Nesta versão transatlântica de Pride & Prejudice, quem decide para que lado o mingau vai entornar é a própria vítima.

Há pouco estreou nos cinemas Borat: Cultural Learnings of America for Make Benefit Glorious Nation of Kazakhstan. No meu entender, trata-se de um documentário. É um pacote de piadas grotescas mas bem colocadas, e a estréia nas telas de uma galinha que merece o oscar de atriz coadjuvante.

E como esta crítica por Anthony Lane na New Yorker lembra, o comediante Borat tem um propósito em todo o seu mau gosto e comentários politicamente incorretos:

When Borat laughs at the notion that you can be against cruelty to animals, you can hear, at his back, the snicker of Baron Cohen as he takes his cleaver to another sacred cow. His task is not so much to insult his fellow Jews, or the African-American community, as to register amazement at a culture that turns race relations into an article of faith—that seems to believe, against the run of history, in legislating our lower, more brutish instincts out of existence.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: